liturgia-diaria
branco1px
Setembro 2023
D S
1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
branco1px
Segunda-feira 22 Maio 2023
  • 7ª Semana da Páscoa

    Leituras:

    At 19,1-8

    Sl 67(68),2-3.4-5ac.6-7ab (R. 33a)

    Jo 16,29-33

    PRIMEIRA LEITURA

    Vós recebestes o Espírito Santo quando abraçastes a fé?

    Leitura dos Atos dos Apóstolos 19,1-8

    1 Enquanto Apolo estava em Corinto,
    Paulo atravessou as regiões montanhosas
    e chegou a Éfeso.
    Aí encontrou alguns discípulos e perguntou-lhes:

    2 "Vós recebestes o Espírito Santo 

    quando abraçastes a fé?"
    Eles responderam:
    "Nem sequer ouvimos dizer 

    que existe o Espírito Santo!"

    3 Então Paulo perguntou:
    "Que batismo vós recebestes?"
    Eles responderam:

    "O batismo de João".

    4 Paulo disse-lhes:
    "João administrava um batismo de conversão,
    dizendo ao povo que acreditasse naquele

    que viria depois dele, isto é, em Jesus".

    5 Tendo ouvido isso,
    eles foram batizados no nome do Senhor Jesus.

    6 Paulo impôs-lhes as mãos
    e sobre eles desceu o Espírito Santo.
    Começaram então a falar em línguas e a profetizar.

    7 Ao todo, eram uns doze homens.

    8 Paulo foi então à sinagoga
    e, durante três meses, falava com toda convicção,
    discutindo e procurando convencer os ouvintes
    sobre o Reino de Deus.
    Palavra do Senhor.


    Salmo responsorial
    Sl 67(68),2-3.4-5ac.6-7ab (R. 33a)

    R. Reinos da terra, cantai ao Senhor.


    Ou: Aleluia, Aleluia, Aleluia.

    2 Eis que Deus se põe de pé, e os inimigos se dispersam! *
    Fogem longe de sua face os que odeiam o Senhor!

    3 Como a fumaça se dissipa, assim também os dissipais, †
    como a cera se derrete, ao contato com o fogo, *
    assim pereçam os iníquos ante a face do Senhor! 
    R.

     

    4 Mas os justos se alegram na presença do Senhor *
    rejubilam satisfeitos e exultam de alegria!

    Cantai a Deus, a Deus louvai, cantai um salmo a seu nome! *

      C o seu nome é Senhor: exultai diante dele! R.

     

    6 Dos órfãos ele é pai, e das viúvas protetor; *
    é assim o nosso Deus em sua santa habitação.

    É o Senhor quem dá abrigo, dá um lar aos deserdados, *

      B quem liberta os prisioneiros e os sacia com fartura. R.

    Aclamação ao Evangelho
    Cl 3,1

    R. Aleluia, Aleluia, Aleluia.
    V. Se com Cristo ressurgistes, procurai o que é do alto, 

        onde Cristo está sentado à direita de Deus Pai.

    EVANGELHO

    Tende coragem! Eu venci o mundo!

    Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo João 16,29-33

     

    Naquele tempo,

    29 os discípulos disseram a Jesus:
    "Eis, agora falas claramente e não usas mais figuras.

    30 Agora sabemos que conheces tudo
    e que não precisas que alguém te interrogue.
    Por isto cremos que vieste da parte de Deus".

    31Jesus respondeu: 

    "Credes agora?

    32 Eis que vem a hora - e já chegou -
    em que vos dispersareis, cada um para seu lado,
    e me deixareis só.
    Mas eu não estou só o Pai está comigo.

    33 Disse-vos estas coisas
    para que tenhais paz em mim.
    No mundo, tereis tribulações.
    Mas, tende coragem! Eu  venci o mundo!"
    Palavra da Salvação.

    Conferência Nacional dos Bispos do Brasil
    © Todos os direitos reservados.

     

    “Mas tende coragem! Eu venci o mundo”

    Hoje, podemos ter a sensação de que o mundo da fé em Cristo se debilita. Existem várias notícias que vão contra a fortaleza que quereríamos receber de uma vida fundamentada integramente no Evangelho. Os valores do consumismo, do capitalismo, da sensualidade e do materialismo estão em voga e vão contra tudo o que suponha ser em sintonia com as exigências evangélicas. Não obstante, este conjunto de valores e de formas de entender a vida não nos dão nem a plenitude pessoal nem a paz, mas apenas trazem mais mal-estar e inquietude interior.

    As palavras de Jesus, portanto, convidam-nos à confiança: “Eu venci o mundo” (Jo 16,33), quer dizer, pela sua Paixão, Morte e Ressurreição alcançou a vida eterna, aquela que não tem obstáculos, aquela que não tem limite e superou todas as dificuldades.

    Que sejamos corajosos, vencendo as coisas deste mundo, para alcançarmos as graças da eternidade.

    Diác. Celso Ítalo Martins

    Paróquia Nossa Senhora do Carmo – Campos Gerais

Sky Bet by bettingy.com